VESTUÁRIO ENQUANTO CONSTITUINTE DA PERSONALIDADE

PSICOLOGIA HISTÓRICO-CULTURAL E FEMINISMO MARXISTA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.33872/revcontrad.v3n1.e029

Palavras-chave:

Psicologia histórico-cultural. Personalidade. Vestimenta e gênero.

Resumo

De acordo com a Psicologia Histórico-cultural, a personalidade é construída a partir das relações históricas e sociais estabelecidas desde o início da vida, a partir de determinações e condições objetivas de vida que resultam em diferentes expressões do psiquismo. Na sociedade atual é comum a compreensão naturalizada de personalidade, assim, diferenças biológicas tornam-se justificativa para explorações e opressões. Na sociedade capitalista, a divisão de gênero gera uma hierarquia, de forma que o masculino é tido como superior ao feminino e o vestuário caracteriza externamente os valores simbólicos do grupo que se participa. O objetivo dessa pesquisa é estudar como a vestimenta contribui para a construção de gênero ao longo da história na sociedade patriarcal e como se apresenta na contemporaneidade. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica que tem como eixo central a constituição da personalidade e do gênero. Como resultados compreende-se que o desenvolvimento humano é produto do processo social de trabalho seguindo as leis biológicas e as leis socio-históricas. A personalidade, atrelada à atividade e à consciência, é categoria fundante da constituição da humanidade e contém suas próprias particularidades reguladoras. O gênero é uma construção social que divide a sociedade em homens e mulheres baseando-se em supostas diferenças biológicas, impondo aos indivíduos modos específicos de pensar e agir. Tal imposição só é possível a partir de processos de socialização, tendo a vestimenta como importante ferramenta, visto que é usada como materialização da cultura.

Biografia do Autor

Lorena Gonzales Donadon Leal, Universidade Estadual de Maringá - UEM

Lorena Gonzalez Donadon Leal é graduada em Design de Moda pela Universidade Anhembi Morumbi - UAM. Acadêmica do curso de Psicologia da Universidade Estadual de Maringá - UEM. Email: lorenagdleal@gmail.com

Adriana de Fátima Franco , Universidade Estadual de Maringá - UEM

Adriana de Fátima Franco é Pós-Doutora pela Universidade Estadual Paulista (UNESP - Araraquara). É professora do Departamento de Psicologia e Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Estadual de Maringá - UEM. E-mail: adriffranco@hotmail.com

Downloads

Publicado

2022-03-21